Segunda-feira, 23 de Março de 2009

CARLSBERG CUP

 

 

O Benfica venceu a Taça da Liga, derrotando o Sporting nas grandes penalidades, depois de um empate de 1-1 no final dos 90 minutos. É isso, custe o que custar, doa a quem doer, que vai ficar para a história.
Antes de irmos ao jogo, algumas notas prévias: 1 - Lucílio Batista é um mau árbitro, cujas actuações no passado têm um denominador comum - beneficia, geralmente, o Sporting. Como aconteceu em 2008, onde num Sporting - Marítimo apitou uma grande penalidade que não existiu a favor dos leões, que lhes permitiu alcançar o segundo lugar e a Liga dos Campeões; 2 - O Sporting é useiro e vezeiro em lançar atoardas sobre a arbitragem. No passado fez um dia de luto, agora acha que estão a mais no futebol português. Que tal se o Sporting for disputar o campeonato da Alemanha?; 3 - Paulo Bento, mais uma vez, deu um mau exemplo, com as suas atitudes. Para quando um castigo a sério ao treinador do Sporting, que depois de ter incendiado ambientes contra os árbitros, agora tem gestos que se fossem outros a protagonizá-los não passariam impunes? Enquanto uns são castigados por pisar relvados, Paulo Bento pode dizer e fazer tudo que não é castigado; 3 - O treinador do Sporting é ainda muito novo, mas já disse tais coisas sobre os árbitros que qualquer dia vai ter de engolir tudo de uma vez; 4 - Miguel Ribeiro Teles e Soares Franco são dois indigentes. O segundo vai sair de cena, o primeiro fazia bem em seguir o mesmo caminho - para tornar o ambiente mais saudável.


Vamos ao jogo. Grande ambiente, grande emoção, grande espactáculo, mas o jogo foi paupérrimo. O Benfica voltou a exibir as deficiências do costume. Pouco controlo de bola, pouca circulação de bola, apenas chuto para a frente, à procura de Suazo (e como este está em quebra de rendimento, o jogo é medíocre).
 

Quique inventou mais uma vez. Agora, foi a colocação de Aimar na esquerda e Reyes na direita. Resultado, uma equipa coxa, onde a bola passava directamente dos defesas para o único avançado, mas raramente ele chegava lá.


Nuno Gomes "fez" de Aimar, mas a ideia não surtiu efeito. No meio, Ruben Amorim não conseguia pegar no jogo e Katsouranis mal se via. O único que mostrava serviço era David Luiz, que tinha de pegar na bola sozinho e levar a equipa para a frente.
Mau, muito mau. A perdida de Nuno Gomes no início do jogo é típica do nosso "capitão", que não tem espírito de "matador". Quique demorou muito a mudar a equipa. Acabou por meter Di Maria para o lugar de Nuno Gomes, mas em lugar de o colocar à esquerda, manteve aí Aimar e colocou-o no apoio a Suazo.


Enquanto isso, Cardozo mantinha-se no banco. Apenas a 2 minutos do fim o paraguaio foi lá para dentro, conjuntamente com Carlos Martins. O pensamento do espanhol já estava nas grandes penalidades. Aqui, uma palavra de grande agradecimento para Quim, que acabou por ser o herói do jogo ao parar três penáltis.


A coisa acabou por correr bem e acabar em grande, para gáudio do "mar vermelho" que invadiu o Algarve. Os adeptos mereciam mais futebol da equipa, mas, pelo menos, a Taça é nossa!

 

Nota final: O penalti assinaldo por mão na bola de Pedro Silva foi um erro de Lucilio Baptista? Foi, sem duvida. Mas erros todos cometemos. Luicilio, neste mesmo jogo, e antes deste erro, já havia cometido outros dois erros graves ao não expulsar Derlei e Polga. Tudo poderia ter sido diferente a partir desse momento. A titulo de curiosidade refira-se que a violenta entrada de Polga sobre Suazo, sabemos hoje, custou ao Hondurenho o estaleiro até ao final da epoca com uma operação ao joelho pelo meio. Isto muitos não viram nem falam, ou fingiram não vêr, como mais convém nesta alturas.

Quique Flores salvou-se e salvou a época ao Benfica com este "paliativo". Contudo mantenho que está a mais e deve sair no fim da época caso o titulo, ou no minimo a Champoins, não caiam na Luz.

 

publicado por ALMEIDA, ESTRELA DE PEDRA às 12:26

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Manuel Norberto Baptista Forte a 24 de Março de 2009 às 18:26
O SPORT LISBOA E BENFICA - "O GLORIOSO", tem querido nestes últimos anos ganhar tudo, ou quase com um Treinador que venha de novo. Nada de mais errado. Sempre ouvi dizer mesmo quando ainda tinha idade para "muitoa sério" jogar futebol de 11, que uma equipa constrói-se em dois anos, se possível mantendo 7 ou 8 jogadores; que tem acontecido no BENFICA, ano após ano em relação a jogadores? E no respeitante a Treinadores, hão-de explicar-me (convincentemente) um dia em que a mudança "anual" ou às vezes nem tanto, contribui para a estabilidade de um plantel, e formação de uma equipa que tenha o chamado ... fio de jogo?.
VIVA O BENFICA.

Comentar post

Almeida no Coração

Arquivo do Blog

Fevereiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Links

Onde está quem nos visita

O Tempo em Almeida

Weather Forecast | Weather Maps

ULTIMAS DE PORTUGAL E DO MUNDO

Em Almeida são agora: